2011 a 2020

2011
2012
2013
2014
2015
2016
2017
2018
2019
2020

2011

Chegou o Mundialito de Clubes

• Um ano que fica marcado pela primeira edição do Mundialito de Clubes. O Sporting CP foi o representante português terminando a prova na segunda posição.

• Na segunda, e última, edição do Circuito Nacional o Vitória SC arrecadou o título.

• O ano de 2011 fica marcado pela última edição da Liga Nacional. A formação do Sporting CP foi a grande vencedora.

• Em 2011 foi disputada a 1ª edição da Taça Intercontinental.

2012

CF Belenenses vence 1º Campeonato Nacional da FPF

• Foi em 2012 que a Federação Portuguesa Futebol realizou o seu primeiro Campeonato Nacional. Uma prova que terminou com a consagração do CF Belenenses como o grande vencedor, no dia 12 de Agosto.

• O último Mundialito, até à data, realizado em Portimão ficou marcado por mais uma vitória da Seleção Nacional. A equipa das Quinas conquistou o troféu depois das vitórias diante da China (5-2), Alemanha (6-1) e Espanha (6-4).

• A Seleção portuguesa viajou até Lagos (Nigéria) para disputar a Taça de Lagos, terminando na 3ª posição.

2013

A chegada de Mário Narciso em ano da 1ª Euro Winners CUP

• Em Fevereiro de 2013 a Seleção Nacional começou a ser liderada por Mário Narciso.

• Na disputa da Taça Bang Saen, na Tailânida, Portugal arrecadou a primeira posição, fruto das vitórias diante da Inglaterra e Tailândia, ambas por 6-2. No primeiro encontro a equipa portuguesa perdeu contra a Alemanha, por 3-2.

• O Mundialito chegou a Vila Nova de Gaia. A Seleção Nacional venceu os dois primeiros desafios: Japão (6-1) e Itália (5-3). Com a derrota diante da Espanha (3-2) terminou na segunda posição.

• A última competição do ano foi no Brasil. Em Recife, Portugal disputou a Copa das Nações terminando em segundo lugar.

• A nível de clubes o SC Braga venceu o Campeonato Nacional. Uma conquista em ano de estreia na modalidade.

• O ano fica marcado pela realização da 1ª Euro Winners CUP. A “Liga dos Campeões” do Futebol de Praia contou com o CF Belenenses, campeão do ano anterior, em representação das equipas portuguesas.

2014

Portugal triunfa em Espinho

• A Seleção Nacional voltou a conquistar o Mundialito. Em Espinho a formação portuguesa foi muito superior perante os seus adversários. As vitórias diante da Hungria (5-0), EUA (14-1) e Japão (8-2) permitiram aumentar o palmarés nacional com mais um troféu.

• Também em Espinho, e ao mesmo tempo que o Mundialito, Portugal fez história mas na vertente feminina. Foi disputado um triangular entre Seleções femininas com Portugal a sair vencedor. A Seleção Nacional feminina venceu a Inglaterra (5-2) e a Suíça (4-4 e 3-2 nas grandes penalidades).

• No Dubai, a equipa das Quinas participou pela primeira vez na Taça Intercontinental. O primeiro jogo, e vitória, na prova foi diante do Irão (4-2). Seguiu-se os triunfos diante da Seleção de Marrocos (6-4) e EAU (3-2). Nas meias finais, Portugal não consegui derrotar o Brasil (5-3) mas na luta por um lugar no pódio voltou a derrotar a formação iraniana (3-0).

• O SC Braga viajou até Itália para participar pela primeira vez na Euro Winners CUP. Em ano de estreia a formação portuguesa terminou na 3ª posição.

• No Campeonato Nacional o SC Braga conquistou mais um título.

• A nível Mundial realizou-se a primeira edição da Gala das Estrelas (“Beach Soccers Stars”). Evento que homenageia os melhores da época.

2015

Campeões do Mundo em casa

• Foi sem dúvida um dos anos mais marcantes da nossa modalidade. O Mundial FIFA foi realizado em Portugal e não podia ter melhor desfecho. A Seleção Nacional venceu o seu primeiro Mundial FIFA e logo perante o seu público. Uma conquista depois de vencer praticamente todos os desafios. Portugal apenas somou uma derrota, ao segundo jogo, diante do Senegal (6-5). Os triunfos até ao jogo decisivo foram diante do Japão (4-2), Argentina (7-2), Suíça (7-3) e Rússia (4-2). A Seleção Nacional sagrou-se Campeã do Mundo depois da vitória diante do Taiti (5-3).

• Se fomos os melhores do Mundo em Portugal na Estónia fomos os melhores da Europa. A equipa das Quinas foi a Parnu vencer mais uma Super Final da Liga Europeia. Uma conquista feita só com vitórias: Rússia (3-3 e 3-2 nas grandes penalidades), França (6-2) Suíça (8-5) e Ucrânia (5-4).

• Ainda em 2015 disputou-se os primeiros Jogos Europeus. A formação portuguesa conquistou a Medalha de Bronze. A história nesta competição começou com uma vitória frente à Suíça (6-5) e de seguida mais duas vitórias: Ucrânia (5-4 após prolongamento) e Azerbaijão (6-4). Nas meias finais a equipa portuguesa perdeu, de forma inglória, diante da Rússia (2-1) mas no acesso ao Bronze voltamos a vencer os suíços (6-5).

• Em Portugal o Campeonato Nacional sofreu uma profunda alteração. Foram criadas duas divisões e consequentemente descidas e subidas. Na Divisão Elite, principal escalão, o SC Braga foi o Campeão. Na Divisão Nacional o Varzim SC foi o grande vencedor. Um título conquistado na final da competição diante da CB Loures. Ambas as equipas subiram à Elite. Do principal escalão descerem as equipas do CD Nacional e ACD O Sótão.

2016

Três títulos e o Mundialito chega a Cascais

• A Seleção Nacional voltou a conquistar a Taça da Europa em 2016. Em Belgrado (Sérvia) realizou-se a última edição da prova até ao momento. A equipa das Quinas foi mais forte perante três adversários sempre difíceis. No primeiro desafio vencemos a Espanha (4-2), de seguida triunfamos diante da Rússia (4-4 e 2-0 nas grandes penalidades) e festejamos a conquista após a vitória diante da Itália (6-3).

• O ano começou com a vitória na Taça Pilsener. A formação portuguesa viajou até El Salvador para conquistar mais uma competição. Os adversários, e as vitórias, foram diante da Argentina (6-0), EUA (4-1) e El Salvador (4-3).

• Em Cabo Verde, Portugal venceu mais uma prova. Na disputa da Taça do Sal a equipa das Quinas fez o pleno de vitórias e trouxe para casa mais um “caneco”. Uma conquista com vitórias diante da Espanha (3-2 no prolongamento), da Inglaterra (5-2) e de Cabo Verde (4-1).

• Em Cascais realizou-se pela primeira vez o Mundialito. A Seleção Nacional venceu a China (14-0) e os EUA (6-5) mas não conseguiu venceu o Brasil (6-4) no desafio decisivo.

• Ao mesmo tempo que o Mundialito disputou-se a primeira edição da Taça da Europa Feminina. A Seleção Nacional terminou na terceira posição.

• No Campeonato Nacional o Sporting CP conquistou pela primeira vez a Divisão Elite. Na mesma divisão as formações do Varzim SC e Leixões SC não conseguiram a manutenção. O CD Nacional chegou ao principal escalão, juntamente com o CD Vila Franca Rosário, depois de vencer a Divisão Nacional.

2017

A Nazaré recebeu os melhores da Europa

• A competição mais importante a nível de clubes europeus chegou à Nazaré. A Vila portuguesa acolheu a Euro Winners CUP na vertente masculina e feminina. A prova contou pela primeira vez com eliminatórias de acesso à fase final. O SC Braga sagrou-se Campeão Europeu pela primeira vez.
Além da formação bracarense, o Sporting CP e a ACD O Sótão também disputaram a fase decisiva da prova. O CD Nacional foi a única equipa portuguesa que avançou das pré eliminatórias para a fase final. Também na Nazaré marcaram presença as equipas portuguesas da CB Loures, do Vitória FC, do CD Vila Franca Rosário, da GR Amigos Paz e do CF Belenenses nas eliminatórias da prova europeia. Já na competição feminina as cores portuguesas foram representadas pela equipa da AF Leiria.

• A Nazaré também recebeu pela primeira vez a Etapa da Liga Europeia. A Seleção portuguesa saiu do areal nazareno com três vitórias em três desafios: França (10-5), Suíça (7-6 após prolongamento) e Itália (8-5).

• Ao mesmo tempo que a etapa da prova europeia, realizou-se, também pela primeira vez, a Taça da Europa feminina

• No Dubai, a Seleção portuguesa conquistou a segunda posição na Taça Intercontinental. Na melhor classificação de sempre, na prova, a equipa portuguesa apenas perdeu diante do Brasil, por duas vezes (4-1 na fase de grupos e 2-0 na final). Os triunfos foram diante dos EAU (6-4), Egipto (6-6 e 3-1 após grandes penalidades) e Rússia (3-2).

• Em nova visita à Ilha do Sal a Seleção Nacional voltou a vencer a Taça do Sal. Os triunfos foram diante da Alemanha (7-3), Inglaterra (8-1) e Cabo Verde (12-3).

• Dentro de portas o SC Braga recuperou o título na Divisão Elite. O Leixões SC sagrou-se Campeão da Divisão Nacional e o Varzim SC acompanhou a formação de Matosinhos na subida à Elite. As equipas do CD Vila Franca Rosário e CF Belenenses desceram à Divisão Nacional.

2018

Equipa das Quinas vence Mundialito na Costa da Caparica

• O Mundialito chegou pela primeira vez à Costa da Caparica e o troféu voltou a ficar em casa. Perante o público português a Seleção Nacional conquistou três vitórias em outros tantos jogos. Tudo começou com o triunfo diante do México (3-1), seguiu-se a vitória contra a Seleção do Japão (4-3 após prolongamento) e no jogo decisivo vencemos a Espanha (3-3 e 3-2 após grandes penalidades).

• A Euro Winners CUP voltou a ser realizada na Nazaré. Prova que terminou com mais uma conquista europeia por parte do SC Braga. Estrearam-se nas eliminatórias da prova europeia as seguintes formações portuguesas: GDP Costa Caparica, BIR Beach Soccer Cup, Varzim SC, SC Salgueiros, AD Buarcos 2017, Casa Benfica Caldas Rainha, GR Olival Basto, Leixões SC, São Domingos FC e CF Chelas. Na prova feminina o Sporting CP também marcou presença pela primeira vez.

• O SC Braga voltou a conquistar a Divisão Elite e duas equipas de Setúbal subiram ao principal escalão. O GD Alfarim que se sagrou campeão da Divisão Nacional e o GD Sesimbra, formação que disputou a final do segundo escalão. Em sentido oposto desceram da Elite o Vitória FC e o Varzim SC.

2019

O ano dourado da Seleção Nacional e do SC Braga

• Sem dúvida um ano de sonho para a equipa das Quinas. A Seleção portuguesa fechou a época com a conquista de mais um Mundial FIFA. No Paraguai a vitória foi mais do que justa, Portugal demonstrou superioridade perante os seus adversários e só perdeu um desafio, diante do Brasil (9-7). O título foi conquistado frente à Itália (6-4). Já os triunfos, até à final, foram contra a Nigéria (10-1), o Omã (3-1), o Senegal (4-2) e o Japão (3-3 e 2-1 nas grandes penalidades).

• Na Europa também fomos os melhores. Na primeira Super Final da Liga Europeia disputada na Figueira da Foz, Portugal levantou de novo o troféu. Um título conquistado com quatro vitórias, em outros tantos jogos: Turquia (9-5), Ucrânia (3-1), Itália (8-6) e Rússia (4-2).

• Continuamos a reinar na Europa mas desta vez nos Jogos Europeus de Minsk. Trouxemos a Medalha de Ouro para casa, apesar de iniciamos com uma derrota diante da Suíça (3-1 após prolongamento). Vencemos de seguida a Roménia (8-2) e a Bielorrússia (7-3) para a fase de grupos. Derrotamos a Ucrânia (3-2 após prolongamento) nas meias finais e conquistamos o Ouro frente à Espanha (8-3).

• Na Nazaré conquistamos o primeiro Mundialito realizado na vila portuguesa com vitórias frente ao Senegal (7-1), Japão (4-2) e Espanha (4-2).

• O ano começou na China com três triunfos e, consequentemente, a vitória no Torneio da China. A equipa das Quinas venceu a República Checa (10-4), China (8-3) e Inglaterra (11-3).

• Foi um ano que ficou marcado pela primeira presença nos Jogos do Mediterrâneo. A Seleção Nacional conquistou a Medalha de Prata, depois de perder a final frente à Itália (7-5). O primeiro jogo, e vitória, de Portugal na competição foi diante da Seleção de Marrocos (4-4 e 3-2 nas grandes penalidades).

• Na luta por um lugar nos primeiros Jogos Mundiais de Praia a equipa portuguesa não conseguiu o seu objetivo. A equipa das Quinas falhou a qualificação, via europa, disputada em Salou (Espanha). O Cazaquistão foi o adversário do primeiro jogo, e da primeira vitória, na prova (10-2).

• No nosso país disputou-se a primeira edição da Taça de Portugal. Prova que terminou com a vitória do SC Braga.

• Na Divisão Elite a formação bracarense somou mais um título. Já as formações da ACD O Sótão e GD Chaves subiram ao principal escalão. A formação nazarena foi a grande vencedora da Divisão Nacional. O CD Nacional e o GD Sesimbra deixaram a Elite do Futebol de Praia português depois de não conseguirem a manutenção.

• A Euro Winners CUP voltou a ser realizada na Nazaré. O SC Braga voltou a reinar e a conquistar o tri na prova europeia. As equipas do GD Alfarim, GD Sesimbra e Sporting CP “B” marcaram presença pela primeira vez. Quem também fez a sua estreia foi a formação da ACD O Sótão na competição feminina.

• Em Moscovo o SC Braga marcou presença, pela primeira vez, no Mundialito de Clubes. Uma estreia que terminou com a conquista da competição.

2020

Novo título europeu em ano atípico

• Um ano completamente atípico devido à pandemia COVID-19. A nível de Seleções apenas foi disputada a Super Final da Liga Europeia. Pela primeira vez a ser realizada na Nazaré, e num formato diferente do habitual, a equipa das Quinas voltou a erguer o troféu. Mesmo sem o apoio físico dos portugueses a formação portuguesa venceu a França (7-0), a Alemanha (4-1), a Ucrânia (4-2) e a Suíça (5-4).

• A nível de clubes o SC Braga voltou a vencer o Mundialito de Clubes, em Moscovo.

• O Sporting CP voltou a sagrar-se Campeão Nacional depois de vencer a Divisão Elite. Na Divisão Nacional o Varzim SC também voltou a ser o número 1. Os poveiros venceram a AD Buarcos, na final da prova, e ambas as equipas subiram à Elite. Desceram à Divisão Nacional as formações do Leixões SC e do GD Alfarim.

• Com menos equipas, e emoção, do que é habitual a Euro Winners CUP voltou a ser disputada na Nazaré. Fizeram a estreia na competição duas formações da casa: GD “Os Nazarenos” e ACD O Sótão “B”. O SC Braga chegou a mais uma final mas não conseguiu vencer o BSC Kristall.