ESTREIA HISTÓRICA

O SC Braga participou pela primeira vez no Mundilaito de Clubes em 2019. A competição terminou com a conquista bracarense na primeira edição, da prova, fora do Brasil. O Sporting CP também esteve presente assim como Elinton Andrade com as cores do CR Flamengo.

Não podia ser melhor a estreia do SC Braga no Mundialito de Clubes. Em Moscovo a equipa portuguesa venceu todos os encontros e terminou a erguer o troféu.

O caminho começou com a vitória sobre o Catania BS após prolongamento. Depois de um empate a cinco, no fim dos três períodos, Filipe deu a vitória aos bracarenses por 6-5. No segundo encontro os minhotos venceram o Levante UD, por 4-1, e no último jogo, da fase de grupos, derrotaram o Lokomotivo Moscovo em mais um jogo emotivo. Num desafio com 13 golos o SC Braga acabou por vencer por 7-6. Na classificação final, do Grupo B, o SC Braga foi primeiro, seguindo-se o Catania BS, Levante UD e Lokomotivo Moscovo.

O Sporting CP ficou inserido no Grupo A e teve pela frente as formações do CR Flamengo, Spartak Moscovo e Bate Borisov. Na primeira jornada a equipa leonina venceu o Bate Borisov no prolongamento. O golo, que desempatou a igualdade a quatro, foi apontado por Rui Coimbra. Frente aos russos, do Spartak Moscovo, a equipa portuguesa perdeu pela margem mínima. No final da partida o marcador registou um 4-3 para a equipa de Moscovo. No último jogo da fase de grupos a formação brasileira, que teve na baliza Elinton Andrade, venceu por 6-3.  O Spartak venceu o Grupo, seguindo-se o Flamengo, Sporting CP e Bate Borisov.

No acesso ao jogo decisivo, da competição, o SC Braga defrontou o Flamengo e o Catania a formação do Spartak Moscovo. A equipa portuguesa despachou a formação brasileira por uns claros 4-0. Já o desafio entre russos e italianos foi decidido nas grandes penalidades a favor do Catania.

O Sporting CP defrontou o Levante UD na decisão pelo 5º lugar. Após uma excelente exibição a equipa leonina derrotou a formação espanhola, por 9-1, e conquistou a quinta posição. No desafio entre o Lokomotivo e Bate Borisov a formação russa venceu, por 7-0, e terminou na sétima posição.

Depois do emocionante encontro, na primeira jornada da fase de grupos, o SC Braga e Catania BS voltaram a protagonizar uma espetacular final. A equipa portuguesa venceu, pela diferença de um golo, depois de um desafio em que esteve sempre na liderança do marcador. O resultado final acabou em 7-6 mas os minhotos terminaram os dois períodos por três e dois golos de diferença (4-1 e 6-4). Uma vitória que consagrou o SC Braga como campeão do mundo sendo a primeira equipa portuguesa a fazê-lo nesta competição. No terceiro lugar terminou o Flamengo após a vitória sobre o Spartak Moscovo.

Além da conquista coletiva a formação minhota “viu” Bê Martins a ser eleito o Melhor Jogador da competição e Rafael Padilha como Melhor Guarda Redes. Com 12 golos apontados, Lucão, do Catania BS, venceu o prémio de Melhor Marcador.

Plantel do SC Braga: David Assunção (GR), Rafael Padilha (GR), Filipe, Bruno Torres, Jordan, Bokinha, Bernardo Botelho, Bruno Xavier, Bê Martins e Léo Martins.

Plantel do Sporting CP: Tiago Petrony (GR), Eliott (GR), Rui Coimbra, Taiarui, Alan, Madjer, José Lucas, Ricardinho, Jordan Oliveira, Duarte Vivo e Belchior.

Facebook

NO DIA

BEACH SOCCER WORLDWIDE

RANKINGS