RÚSSIA DOMINA COM PORTUGAL AUSENTE

O ano de 2013 marcou a ausência de Portugal do Mundial realizado no Taiti. A Rússia voltou a vencer a competição renovando assim o seu título.

Parece impossível mas foi mesmo real. O Mundial FIFA 2013 não contou com a Seleção portuguesa de Futebol de Praia. Seja qual for o momento é sempre uma importante ausência.

Além do Taiti, Seleção anfitriã, tiverem presentes as formações do Irão, Japão, Emirados Árabes Unidos, Costa do Marfim, Senegal, Argentina, Brasil, Paraguai, Ilhas Salomão, Holanda, Rússia, Espanha, Ucrânia, El Salvador e Estados Unidos.

Do Grupo A ficaram apuradas, para os quartos de final, as formações da Espanha e Taiti. Em sentido inverso as Seleções dos Estados Unidos e Emirados Árabes Unidos ficaram-se pela primeira fase. Já no Grupo B, a Argentina e o El Salvador terminaram, a fase de grupos, em primeiro e segundo lugar. As Ilhas Salomão e a Holanda não conquistaram um lugar nos quartos. O Brasil avançou na prova só com vitórias, no Grupo C, e as formações do Irão, Ucrânia e Senegal terminaram todas com 3 pontos cada uma. O Irão foi a equipa que seguiu em frente. As Seleções da Rússia e Japão, inseridas no Grupo D, avançaram para os quartos de final. O Paraguai e a Costa do Marfim terminaram a sua participação na primeira fase.

As Seleções da Espanha, Brasil, Rússia e Taiti prosseguiram para as meias finais após derrotarem o El Salvador, Japão, Irão e Argentina. No acesso à final a Espanha venceu, após prolongamento, o Brasil e a Rússia derrotou o Taiti. A Seleção russa conquistou o seu segundo título após a vitória, na final, sobre a Espanha. Na luta pelo lugar no pódio o Brasil levou a melhor, após grandes penalidades, sobre o Taiti.

Os russos também venceram o troféu FIFA Fair Play. Como Melhor Guarda Redes o prémio foi entregue a Dona (Espanha). O Melhor Marcador foi Dimitrii Shishin (Rússia) e o Melhor Jogador Bruno Xavier (Brasil).