EQUIPA DAS QUINAS VOLTA A TRIUNFAR

A formação portuguesa venceu o segundo encontro da Super Final. Diante da Ucrânia, Madjer, Bê Martins e Jordan fizeram os golos do triunfo. Mais um dia cheio de golos e de jogos com muita emoção.

Foi com um golo em cada período que Portugal venceu a formação da Ucrânia por três bolas a uma. Como já se esperava o desafio foi equilibrado, apesar das melhores oportunidades, ao longo de todo o tempo, terem sido da equipa das Quinas. A Seleção da Ucrânia fez o seu único golo quando o relógio apontava cerca de 4 minutos para se jogar no primeiro período. Na saída de bola Madjer fez o empate e colocou justiça no marcador. Os comandados de Mário Narciso foram à procura da reviravolta mas os ucranianos foram eficazes defensivamente. O segundo golo da formação nacional chegou por Bê Martins já dentro do segundo tempo. O jogo estava longe de estar ganho apesar de Portugal continuar a ter mais posse de bola e oportunidades. No derradeiro período, e mais uma vez após algumas tentativas, Jordan fechou a contagem em 3-1. Com esta vitória Portugal soma seis pontos os mesmos que a Itália. O público na Praia de Buarcos, que mais uma vez lutou o Estádio, teve um papel determinante para mais uma conquista.

No outro jogo do Grupo 2 a Itália somou mais uma vitória. Diante da Turquia os italianos vencerem por 7-2. O equilíbrio tem dominado os jogos do Grupo 1. A Bielorrússia venceu a Suíça pela margem mínima e a Rússia derrotou a Espanha em mais um encontro recheado de golos.

Na Divisão B apenas a Grécia soma 6 pontos. Além dos gregos também o Cazaquistão, República Checa e Azerbaijão vencerem os seus encontros.

Consulta todos os resultados e classificações aqui.