PORTUGAL VOLTA A VENCER O MUNDIALITO

A Seleção Nacional venceu esta tarde a Espanha a garantiu mais um Mundialito para o seu palmarés. Jordan e Elinton Andrade vencerem os prémios individuais.

A equipa das Quinas sabia que só dependia de si para conquistar a 23ª edição do Mundialito realizado na Nazaré. Uma entrada forte e determinada permitiu a Portugal colocar-se em vantagem logo nos segundos iniciais com o grande golo de Ruben Brilhante. O “menino da casa” abriu o marcador, a passe de André Lourenço, e colocou “a sua praia” ao rubro. A Seleção portuguesa foi à procura do seu segundo golo mas foram os espanhóis que igualaram a partida a quatro minutos do fim do primeiro tempo.

Já no segundo período a equipa das Quinas voltou a comandar o marcador após um excelente golo de Bruno Torres. Do meio da rua, o jogador da Póvoa de Varzim fez de bicicleta mais um golo de levantar o Estádio do Viveiro. A equipa portuguesa estava imparável e chegou ao terceiro golo, pelos pés de Jordan Santos, após um livre frontal. Uma “bomba” de Jordan sem hipótese para o guardião espanhol. Também de bola parada, mas já no último período, Belchior apontou o quarto “tento” para Portugal. A vitória em mais um Mundialito estava perto mas ainda houve tempo para a Espanha reduzir, para 4-2, em mais um belo golo. Com cerca de 8 minutos para se jogar a equipa nacional podia ter ampliado a vantagem mas o marcador não foi alterado e Portugal venceu assim o seu 7º Mundialito de Futebol de Praia.

Em termos de prémios individuais, Jordan foi eleito o Melhor Jogador e o Melhor Marcador (4 golos). Como Melhor Guarda-Redes o prémio foi para Elinton Andrade.

Portugal (cinco inicial): Elinton Andrade, Rúben Brilhante, Madjer (capitão), André Lourenço e Bruno Torres.
Suplentes: Tiago Petrony, Jordan, Belchior e Von.
Treinador: Mário Narciso.
Golos: Rúben Brilhante, Bruno Torres, Jordan e Belchior.

Foto: FPF